segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Entre o Amor e o Silêncio - Babi A. Sette

Por Renata Margaria - Exclusivo para o Literatura de Cabeça

Papo de Comadres……..
Já disse que resenha não é minha praia, mas eu estou aqui batalhando…. Tentando ser uma preparadora de originais, tenho meu emprego de segunda a sexta, a revista, o jornal, o blog …  Mentira…. Eu faço as resenhas quando eu estou inspirada, tipo hoje!
Papo de comadres, eu adoro um romance… Mais ainda eu adoro um romance bem escrito com começo, meio e fim. Eu não vou dizer que eu sou contra as continuações, mas tem hora que precisamos de um livro único.
Francesca, aspirante a escritora, sofreu uma grande decepção amorosa e resolve se dedicar ao seu livro integralmente. E para ajudar a preencher seus dias e também produzir o livro ela resolve inscrever-se em um programa de ajuda à pacientes que estão em estado vegetativo (coma), lendo para eles durante uma hora por dia, alguns dias por semana. Até que um desses pacientes é Mitchell. Rico, lindo, poderoso, asqueroso e entre outras tantas qualidades e defeitos. O que toca Francesca no começo é a falta de visitas de amigos, parentes e outras pessoas. Ela passa a ler para ele todos os dias e estreitar sua relação com ele. Até que ela descobre que existe um documento assinado por ele, solicitando a eutanásia.
Qual é o limite do amor? Até onde conhecemos esse sentimento em sua amplitude total. Esse romance de Babi Sette mexe com sentimentos profundos. Eu não gosto de dar spoiler para Leitores e fãs do gênero, mas LEIA COM LENCINHOS! Esse livro é presença obrigatória na prateleira.
Volto em breve com o outro livro da Babi: A Promessa da Rosa – já li também!